Geral

Filha de falecida recebeu ilegalmente R$ 3 milhões em aposentadoria da Marinha

Crédito: Reprodução/Pixabay

Nesta quarta-feira (07), o Superior Tribunal Militar condenou duas mulheres, uma filha e uma sobrinha-neta de uma beneficiária, que receberam ilegalmente por 17 anos a aposentadoria de uma senhora que morreu em agosto de 2000. O prejuízo para a União pode chegar a 3 milhões de reais.

As mulheres condenadas fraudaram documentos e até uma terceira pessoa se passava pela beneficiária por todos esses anos. As duas foram condenadas pelo crime de estelionato. A filha recebeu pena de cinco anos, enquanto a sobrinha foi condenada a dois anos de reclusão.

Para a União o prejuízo será grande, uma vez que não há saldo em conta das acusadas para devolução do dinheiro acumulado durante os anos.

Veja também
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago