Esportes

Figueirense será julgado na sexta por atrasos salariais e pode perder pontos

Em recuperação dentro de campo, na briga pela permanência na Série B, o Figueirense ainda lida com problemas fora das quatro linhas. É o caso do julgamento por quebra do fair-play financeiro que foi marcado para a próxima sexta-feira. O clube foi denunciado em razão dos atrasos nos pagamentos de salários ao decorrer da temporada. E o clube corre o risco de ser punido com perda de pontos e multa de R$ 100 a R$ 100 mil.

A sessão seria realizada em 30 de agosto, mas o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) optou pelo adiamento, para dar tempo ao Ministério Público na análise dos documentos entregues pelo clube para comprovar a quitação dos valores em aberto.

A denúncia é baseada no artigo 11 do Regulamento Geral de Competições da CBF somado ao artigo 17 do regulamento específico da Série B. O primeiro diz respeito ao cumprimento do fair-play financeiro e trabalhista, enquanto o segundo trata especificamente dos atrasos salariais.

“O clube que, por período igual ou superior a 30 (trinta) dias, estiver em atraso com o pagamento de remuneração, devida única e exclusivamente durante a competição, conforme pactuado em Contrato Especial de Trabalho Desportivo, a atleta profissional registrado, ficará sujeito à perda de 3 (três) pontos por partida a ser disputada”, determina o artigo 11.

O mecanismo do fair play financeiro considera o atraso salarial como um fator com potencial para desequilibrar economicamente uma competição. Isso porque a falta de pagamento dos vencimentos pode preservar alguma quantia no caixa do clube, e esse valor é passível de ser utilizado com outros fins que tragam vantagens competitivas, como contratações, por exemplo.


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

O Figueirense responderá também pelo artigo 191, inciso III, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, por “deixar de cumprir, ou dificultar o cumprimento: de regulamento, geral ou especial, de competição”, sob a pena de multa de R$ 100 a R$ 100 mil.

Veja também

+ Boletim médico de apresentador da RedeTV! indica novo sangramento no cérebro
+ 6 fotos em que o design de interiores do banheiro foi um fracasso total. Confira!
+ Ex-jogadora de futebol, Madelene Wright, começa a vender fotos sensuais após ser demitida do time
+Iveco fornecerá 1.048 caminhões blindados 8×8 ao Exército Alemão
+ Cientista desvenda mistério do monstro do Lago Ness. Descubra!
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel