Esportes

Felipe Melo acerta por 2 anos com o Fluminense: ‘Time de guerreiros, cheguei’


O Fluminense anunciou nesta segunda-feira a contratação de Felipe Melo. O ex-jogador do Palmeiras assinou contrato de dois anos com o time carioca, que fez o anúncio do novo reforço por meio de suas redes sociais. “Time de guerreiros, cheguei”, avisou o volante de 38 anos, primeiro reforço da equipe carioca para 2022.

O Fluminense publicou em suas redes sociais um vídeo com lances da carreira de Felipe Melo, suprimindo as jogadas com a camisa do Palmeiras, clube em que o volante mais vezes atuou. Ao fim do vídeo, o atleta apareceu com a camisa da equipe tricolor e bate no peito. Ele usará a camisa 52 em alusão aos 70 anos do título da Copa Rio de 1952. Ele prometeu garra e agradeceu ao Fluminense pela oportunidade.

“Eu sou um cara que sou leal a quem é leal comigo, a quem me dá oportunidade. Então a minha lealdade é total ao Fluminense, um clube que me abriu as portas e isso para mim não tem preço”, disse o jogador. “O que eu posso falar para o torcedor do Fluminense é que jamais vai faltar empenho e vontade. Hoje o Fluminense é a minha casa e vou fazer, sem dúvida nenhuma, com que a camisa do Fluminense seja minha segunda pele. É o mínimo que eu posso fazer por um clube tão grandioso que me abriu as portas neste momento”, acrescentou.

O presidente Mário Bittencourt havia adiantado que o Fluminense já tinha um acordo verbal com Felipe Melo e a negociação foi sacramentada nesta segunda. Melo assinou vínculo até o fim de 2023. Deve, portanto, se aposentar no clube das Laranjeiras, já que disse mais de uma vez que pretende jogar mais duas temporadas antes de encerrar a carreira aos 40 anos.

O Inter também mostrou interesse no atleta, mas o fato de o Fluminense jogar a Libertadores e a equipe gaúcha não ter conseguido a vaga no torneio sul-americano pesou na decisão de Melo. O volante é bicampeão continental pelo Palmeiras e teve papel importante na última campanha da última conquista.

O Fluminense foi atrás no mercado desse volante experiente e “cascudo”, com títulos importantes e perfil de liderança, algo que Felipe Melo exerceu com profundidade no Palmeiras, do qual foi capitão nos últimos dois anos. Fred, inclusive, fez lobby para a diretoria acertar com o ex-jogador do Palmeiras. O volante também pode atuar como zagueiro, como fez sob o comando de Luxemburgo e Abel Ferreira.

Felipe Melo deixou o Palmeiras porque a diretoria decidiu não renovar seu contrato, que vence ao fim deste mês. Os dirigentes palmeirenses entenderam que o ciclo do volante chegou ao fim no time alviverde e ele foi liberado para seguir sua carreira. Na sexta-feira passada, o jogador foi homenageado e prometeu lealdade ao clube paulista. “Eu jamais jogaria em um rival. Onde eu estiver, honrarei sempre o nome do Palmeiras, que está tatuado no meu coração”, afirmou, na ocasião.

Em cinco temporadas no Palmeiras, Melo foi campeão do Brasileirão de 2018, do Campeonato Paulista de 2020, da Copa do Brasil de 2020 e bicampeão da Libertadores de 2020 e 2021. Além do clube paulista, no Brasil, no início de sua carreira, o volante atuou pelo Flamengo, pelo qual foi revelado, Cruzeiro e Grêmio. No exterior, jogou por Mallorca, Racing Santander, Fiorentina, Juventus, Galatasaray e Inter de Milão.