Fecomércio-DF vive dias rendosos com a grande família

Entidade virou uma patota de amigos que administram centenas de milhões do Sistema S

Crédito: Divulgação

José Aparecido é o presidente da Fecomércio-DF (Crédito: Divulgação)


O Senac DF não é apenas o abrigo de antigos amigos do presidente da Fecomércio-DF, José Aparecido. Como a Coluna informou, lá ele colocou o ex-secretário do Governo PT de Agnelo Queiroz, Vitor Correa, processado pelo MPDF, para chefiar orçamento de mais de R$ 100 milhões.

A instituição também emprega outros próximos da patota. A área de engenharia do sistema é chefiada por Emanuel Fuscald de Almeida, genro do vice-presidente da Fecomércio-DF, Édson de Castro.

Sob os cuidados de Emanuel também repousa um orçamento milionário. Casos de nepotismo no sistema S são fiscalizados pelo Tribunal de Contas da União e pelo Ministério Público Federal.

Questionada por fechar os olhos para as situações da grande família na entidade local, a Confederação Nacional do Comércio tergiversa e informa que as Federações são entidades autônomas: “A CNC foca sua atuação na representação dos interesses do comércio de bens, serviços e turismo, não tendo ingerência em decisões administrativas das Federações”.

Procurada, a Fecomércio-DF não se manifestou até o momento.


Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais


Sobre o autor

Leandro Mazzini começou a carreira jornalística em 1996. É graduado em Comunicação Social pela FACHA, do Rio de Janeiro, e pós-graduado em Ciência Política pela UnB. A partir de 2000, passou por ‘Jornal do Brasil’, ‘Agência Rio de Notícias’, ‘Correio do Brasil’, ‘Gazeta Mercantil’ e outros veículos. Assinou o Informe JB de 2007 a 2011, e também foi colunista da Gazeta. Entre 2009 e 2014 apresentou os programas ‘Frente a Frente’ e ‘Tribuna Independente’ (ao vivo) na REDEVIDA de Televisão, em rede, foi comentarista político do telejornal da Vida, na mesma emissora e foi comentarista da Rede Mais/Record TV em MG. Em 2011, lançou a ‘Coluna Esplanada’, reproduzida hoje em mais de 50 jornais de 25 capitais e interior Foi colunista dos portais ‘UOL’ e ‘iG’ desde então, e agora escreve no blog que leva seu sobrenome no portal da ‘Revista Isto É’, onde conta com o trabalho dos jornalistas Walmor Parente e Carolina Freitas, além de correspondentes no Rio e Recife. É também comentarista das rádios ‘JK FM’ em Brasília, ‘Super TUPI’, do Rio, e ‘Rádio Muriaé’.


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2021 - Três Editorial Ltda.
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.