Comportamento

FBI confisca armas e prende homem que expressou apoio a tiroteios

FBI confisca armas e prende homem que expressou apoio a tiroteios

Depois de revisar a casa do pai de Olsen, a polícia aprendeu armas e munição - AFP

O FBI descobriu um arsenal de 25 armas e cerca de 10 mil balas depois de prender um jovem nos Estados Unidos que fez comentários nas redes sociais em apoio a tiroteios em massa.

O FBI acusou Justin Olsen, de Boardman, Ohio, de ameaçar atacar agentes federais por postar em um fórum online: “Em conclusão, atire em qualquer agente federal que vejam”.

A conta do rapaz de 18 anos no site do iFunny, um fórum para compartilhamento de memes, tinha cerca de 4.400 assinantes.

Ele já havia publicado comentários apoiando tiroteios em massa e atacando a organização em favor dos direitos reprodutivos da Planned Parenthood, de acordo com a acusação apresentada segunda-feira.

Depois de revistar a casa do pai de Olsen, a polícia encontrou 15 fuzis e espingardas e 10 pistolas semi-automáticas, junto com muita munição.

Eles também encontraram “roupas de camuflagem e bolsas de camuflagem”, de acordo com a acusação.

Olsen admitiu fazer os comentários, mas insistiu que eles eram “apenas uma piada”.

A prisão do jovem ocorreu uma semana depois de dois tiroteios que deixaram 31 mortos em El Paso, Texas e Dayton, Ohio, e que fizeram o Congresso retomar os pedidos para limitar a disponibilidade de compra de armas e reduzir a violência armada nos Estados Unidos.