Edição nº2534 13/07 Ver edições anteriores

“Fazemos o que toda mulher queria fazer”

FELIPE GABRIEL

Depois de ser acusado de agredir a mulher grávida e de chamar a Globo de mentirosa, Victor, da dupla com Leo, foi oficialmente afastado do “The Voice Kids”. No lugar dos dois, entram Simone e Simaria, as queridinhas do sertanejo atual. Ou melhor, as coleguinhas, como elas mesmas costumam chamar uma à outra. É mais um passo para a consagração do que ficou conhecido como “feminejo”. “O sertanejo é todo masculino, mas abraçaram nosso trabalho. Fazemos hoje o que toda mulher queria ter feito. Enfrentamos um mercado machista, cantamos o que elas querem falar”, afirma Simone. A escolha da dupla não foi à toa. Não só limpa a barra da Globo, que mostra estar atenta ao barulho que uma denúncia de violência contra mulher pode fazer, como agrada ao público, sempre se divertindo com as declarações das duas. As irmãs são conhecidas por falas super espontâneas, como a da vez em que Simone perguntou à sexóloga Laura Muller, no programa “Altas Horas”, qual a melhor maneira de “dar a roda”. “Sempre fomos assim, somos transparentes e as pessoas respeitam nosso jeito”, diz Simaria.

Vai, Fernandinha 2

Danilo Borges

Fernanda Souza já estava feliz o suficiente com a repercussão da segunda temporada de “Vai, Fernandinha”, do Multishow, que se encerrou na semana passada, quando recebeu uma mensagem que a deixou ainda mais emocionada. Era de Eliana, hoje a apresentadora mais bem paga da TV brasileira, parabenizando a colega pelo desempenho à frente do programa. “Ela dizia que eu tenho um futuro brilhante”, conta à ISTOÉ. A atração comandada por Fernanda volta ao ar no ano que vem.

Drama da vida real

Divulgação

Assim como a personagem que interpreta na nova produção da Netflix, “O Mínimo para Viver”, a atriz Lily Collins também enfrentou a anorexia quando adolescente. Para viver Ellen, teve que emagrecer drasticamente e diz ter se assustado com a repercussão causada por sua perda de peso. “Um dia encontrei uma conhecida que disse que eu estava ótima e me perguntou o que eu estava fazendo. É por isso que a doença existe”, afirmou, em entrevista à revista digital “Net-A-Porter”.

É de casa

Divulgação

Vetada da “Dança dos Famosos” em 2016 por não ter contrato com a Globo, Adriane Galisteu voltou a ser cotada para ser uma das participantes do quadro neste ano. Agora ela é da casa: desde junho, Adriane comanda um programa na Rádio Globo.

Do Piauí para o mundo

Divulgação

YouTuber mais influente do Brasil e segundo do mundo – só perde para o sueco Pew Die Pie –, Whindersson Nunes está em turnê pelos Estados Unidos com seu show de stand-up comedy. Natural de Palmeira do Piauí, faz apresentações para brasileiros em Boston, Miami e Orlando, com ingressos que variam de R$ 80 a R$ 200. Whindersson é uma das celebridades digitais mais bem-sucedidas do País e nunca comentou sobre faturamento, mas já chegou a se dar de presente de aniversário um Jaguar F-Type que pode custar até R$ 700 mil. Ele tem 22 anos.

Volta por cima

Divulgação

Virar dançarina da cantora Anitta deu uma bela projeção à carreira de Thais Carla. A bailarina agora é garota-propaganda de uma marca de biquínis, ao mesmo tempo em que continua se apresentando com a funkeira pelo Brasil. Antes do sucesso com Anitta, Thais já havia participado do programa “Legendários” e, em 2009, venceu o quadro “Se Vira nos 30”, do “Domingão do Faustão”. E pensar que no começo da carreira ela chegou a ouvir que não arranjaria emprego porque não existe bailarina gorda.

A megaprodução de Edir Macedo

Stella Carvalho/Divulgação
Os ares de superprodução que rondam as novelas bíblicas da Rede Record dão o tom do filme sobre a vida do bispo Edir Macedo, que começou a ser gravado em maio. Contando viagens, figurantes, cenários e locações, especula-se que o orçamento seja de R$ 32 milhões, quatro vezes mais do que sucessos de bilheteria como “Até que a Sorte nos Separe”. O filme vai ser lançado em duas partes, uma em 2018 e outra em 2019. “Mas filmaremos tudo de uma vez, isso é inédito”, garante o diretor Alexandre Avancini. O papel do bispo é feito pelo ator Petrônio Gontijo. Até o cantor Latino deve fazer participação. Um ator vai interpretá-lo quando jovem, na época em que morava na rua e foi ajudado por Macedo. Beth Goulart, Dalton Vigh e Eduardo Galvão também estão no elenco.
Stella Carvalho/Divulgação


Mais posts

Ver mais
X

Copyright © 2018 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.