Saúde da mulher

Famosas brasileiras que lutaram contra o tabagismo

Crédito: Freepik

No domingo (29), foi celebrado o Dia Nacional de Combate ao Fumo, com objetivo de conscientizar a população sobre os malefícios da dependência do tabaco. O hábito é prejudicial para todos e suas consequências podem ser ainda maiores para as mulheres, gênero que registra as principais causas de morte relacionadas ao tabagismo. Deixar a dependência é um desafio, mas mais difícil ainda são as consequências dessa prática, por isso, algumas famosas reconheceram a necessidade de parar e falaram um pouco mais sobre o processo; confira algumas delas:

+ Tabagismo pode acelerar o envelhecimento feminino a curto prazo, alerta especialista


+ Dia Nacional de Combate ao Fumo: risco de doenças em mulheres fumantes pode ser maior em relação aos homens

Gisele Bündchen

Gisele Bündchen (Crédito:Reprodução/Instagram)

Quando tinha por volta de 20 anos, Gisele Bündchen sofria de crises de ansiedade e ataques de pânico. Para tentar melhorar seus problemas, ela decidiu aderir aos hábitos saudáveis, evitando açúcar, parando de fumar e realizando atividades físicas. As novas práticas funcionaram para a modelo, que continua as mantendo desde então.

“Não foi fácil, tive as piores dores de cabeça da vida porque estava me livrando. (…) Substituí hábitos ruins por coisas que estavam me apoiando e percebi que todos os dias estava me sentindo melhor”, revelou em entrevista à revista Vogue Australia.

Juliana Paes

Juliana Paes (Crédito:Reprodução/Instagram)

No início da pandemia da Covid-19, Juliana Paes resolveu parar de fumar. Na época, em uma live no Instagram com o apresentador Fábio Porchat, a artista revelou que parou definitivamente com o tabagismo como forma de prevenção contra o coronavírus.

“Eu, mesmo tendo asma, fumava. Não fumava cigarro industrializado, mas fazia meu cigarro de tabaco, achando que tinha menos componentes químicos e tal. E aí pensei: ‘Essa quarentena tem que servir pra alguma coisa, então vou parar de fumar essa porcaria também’”, relatou e disse ainda que não foi fácil, pois sentiu abstinência.

Samantha Schmütz

Samantha Schmütz (Crédito:Reprodução/Instagram)

Em 2017, Samantha Schmütz deixou de fumar. Um ano após a conquista, ela comemorou no Instagram e relembrou que seu último cigarro foi com o ator Leonardo DiCaprio, em um encontro durante a festa pós-Oscar, nos Estados Unidos.

“Ele acendeu o cigarro do meu lado e falei: ‘vou fumar, f… Me dá um cigarro, Leo?’ Ou seja, fumei o último cigarro com Leonardo DiCaprio, passei supermal porque eu já estava há 20 dias sem fumar, baixou minha pressão. Gente, cigarro faz muito mal!”, contou.

A atriz ainda expôs as melhorias na saúde após o primeiro ano longe da dependência e alertou sobre os malefícios do tabagismo. “Eu estou aqui para botar pilha em vocês, para quem fuma, parar hoje. Para hoje! Posso falar de carteirinha, foi uma das melhores coisas que eu pude fazer por mim. Minha pele ficou melhor, fiquei sem bafo de cinzeiro, sem cheiro de nicotina. Ou seja, aproveita que está vivo para parar de fumar. Porque depois que o cigarro te matar aí vai ser tarde, amigo! Fui procurar o emoticon do cigarro e estava do lado do caixão. Acho que tem uma relação bem forte entre os dois. Gente, para de fumar. Eu recomendo!”, disse.

Ana Maria Braga

Ana Maria Braga (Crédito:Reprodução/Instagram)

Em meados de 2020, Ana Maria Braga afirmou durante uma live no Instagram com Antonia Frering, que parou de fumar com a ajuda de um especialista durante a quarentena. A vitória se deu após a apresentadora enfrentar um câncer no pulmão, com o qual foi diagnosticada em janeiro de 2020 e afirmou estar curada.

“A pandemia me ajudou muito a parar de fumar. Nunca pensei que fosse conseguir, tive ajuda médica e vontade própria também”, contou a apresentadora do “Mais Você”.

Marília Mendonça

Marília Mendonça (Crédito:Reprodução/Instagram)

Em 2019, Marília Mendonça mudou alguns hábitos em prol de uma saúde melhor. Além de eliminar 20 quilos, graças a uma reeducação alimentar, ela abandonou o cigarro.

Na época, ela falou um pouco sobre o processo em entrevista à revista Quem: “Completei um mês sem fumar. Ninguém sabe ainda, mas acho importante eu falar, para incentivar outras pessoas a cuidarem mais da sua saúde. Tem sido um sacrifício, mas eu já sinto uma diferença enorme no meu fôlego nos shows”.

Gloria Pires

Gloria Pires (Crédito:Reprodução/Instagram)

Durante a adolescência e juventude, Gloria Pires tinha o hábito de fumar. Em 2020, ela falou sobre o assunto em resposta para um seguir no Instagram: “Não fumo mais. Há muito tempo consegui deixar esse vício. E não recomendo a ninguém fumar”, declarou.