Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

Juntos, o casal Taís Araújo e Lázaro Ramos foram entrevistados no podcast Original Spotify Mano a Mano, comandado pelo rapper Mano Brown. No bate-papo, a atriz  aproveitou para fazer um desabafo sobre a falta de protagonismo negro na arte.

+ Grazi Massafera anuncia saída da Globo: ‘Parte da minha história e do meu coração’
+ Vídeo: 5 vezes em que consumidores tiveram ‘dia de fúria’ e quebraram tudo
+ Jovem perde todos os dentes e diz: “As dentaduras não me definem”
+ Nova lei entra em vigor e tem alterações para motoristas de transportes

“Faltam criadores negros, escritores, vivências negras, diretores. A partir do momento que é essa galera que tá pensando as narrativas é que tem o povo preto ali. Acho que a mudança vai partir desse lugar. Tem um lugar identitário da criação negra que precisa ser muito explorado. Existem esses profissionais, eles estão no mercado, mas a gente precisa que eles tenham oportunidade de trabalho”, disse Taís.

“Meu desejo, a minha ambição, era ter o poder da caneta do contrato. Era isso que eu queria, e foi por isso que eu mudei de vida. O projeto é esse, é abrir esses espaços, é contar essas histórias, captar esses talentos todos pra falar de uma coisa que já deveria estar sendo falada há muito tempo”, reforçou Lázaro Ramos.