Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

Depois das acusações de assediar menores e as prisões no Havaí por embriaguez e conduta errada em um bar, novas denúncias contra Ezra Miller vêm à tona. Em entrevista à “Variety”, uma mulher alemã, que pediu para ser identificada como Nadia, acusou o ator de assédio.

Ezra e Nadia ficaram amigos e se comunicavam por mensagens por dois anos, até que o ator decidiu visitá-la em Berlim, onde mora. Em 2020 eles se viram e tiveram um encontro romântico consensual, e não se viram novamente até fevereiro de 2022, quando Ezra fez outra visita.

Desta vez, o ator, que se identifica como não-binário, teve comportamentos agressivos após Nadia dizer que não era permitido fumar dentro de sua casa.

“Isso foi o pontapé para ele mudar. Pedi para que saísse umas vinte vezes, talvez mais. Ele começou a me insultar, dizendo que eu era um ‘pedaço de m…, transfóbico’ e ‘nazista’. Tornou-se tão, tão estressante para mim. Ele ficou andando pela minha casa, olhando para tudo, tocando tudo, espalhando folhas de tabaco no chão. Foi nojento e invasivo”, disse à Variety.

Ela teria convencido o ator a ir embora, dizendo que chamaria a polícia. Nadia disse que nunca sentiu que seria assediada sexualmente, mas acreditou que o ator podia atacá-la fisicamente: “Me senti totalmente insegura”.

Para a revista americana, um dos amigos de Nadia revelou ter ficado preocupado com ela: “Eu fiquei preocupado. Eu acho que ela foi enganada – ela tinha uma memória deles de quando estiveram juntos em Los Angeles, e o que ela aconteceu [em Berlim] foi realmente diferente. Parecia perigoso”.

Essas declarações vêm depois de outra vítima de Ezra Miller se pronunciar também à Variety. Em 2020, uma mulher foi sufocada pelo ator na Islândia. A vítima contou para a revista americana que estava conversando com o ator num bar por algum tempo quando notou cicatrizes em seu pé.

Ela revela ter questionado Miller, que disse que se tratavam de marcas de batalha. Ao sair, ela brincou dizendo que poderia ganhar de Ezra numa briga, e o ator começou atacá-la. “Eu pensei que era tudo brincadeira, até que não era”, disse ela.

Ezra Miller ainda não se manifestou sobre os tais incidentes.