Mundo

Extradição de Saab é uma ‘injustiça ignóbil’, diz Maduro

Extradição de Saab é uma ‘injustiça ignóbil’, diz Maduro

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro - AFP


O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, chamou neste domingo de “injustiça ignóbil” a extradição para os Estados Unidos do empresário Alex Saab, apontado como seu testa de ferro e acusado de lavagem de dinheiro.

Trata-se de “uma das injustiças mais ignóbeis e vulgares cometidas no mundo nas últimas décadas”, denunciou Maduro, em discurso transmitido pela TV estatal.

A Venezuela “está se movimentando nas Nações Unidas, em Nova Iorque, em Genebra, nos órgãos de defesa dos direitos humanos”, ante o “sequestro” de Saab, informou o presidente. “Levaram Saab sem avisar aos advogados, à família, ninguém. Um sequestro em toda a linha do governo dos Estados Unidos! ”, exclamou.

O empresário, 49, comparecerá amanhã a um tribunal do estado da Flórida.


Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais