Mundo

Exército alemão suspende treinamento de iraquianos por tensões com o Irã

Exército alemão suspende treinamento de iraquianos por tensões com o Irã

Militares alemães em 18 de fevereiro de 2016 em treinamento de peshmergas, em Erbil, capital do Curdistão iraquiano - AFP/Arquivos

O exército alemão anunciou nesta quarta-feira a suspensão até nova ordem de suas operações de treinamento militar de iraquianos, devido ao risco provocado pelas recentes tensões com o Irã na região.

“O Bundeswehr suspendeu sua formação”, disse à imprensa o porta-voz do ministério da Defesa alemão, Jens Flosdorff, respondendo a uma pergunta sobre a presença da Alemanha no Iraque diante das tensões com o Irã na região.

O porta-voz falou de “uma maior vigilância” do exército alemão no país, sem descartar a retomada dos exercícios de treinamento “nos próximos dias”, se a situação permitir.

A decisão foi tomada pelo exército alemão junto com outros países que treinam militares na região, acrescentou ele.

O exército alemão conta atualmente com 160 soldados no Iraque, onde treina soldados, e também no Curdistão iraquiano, onde apoia os combatentes curdos peshmergas.