Mundo

Ex-secretário de Meio Ambiente de Milão é condenado por estupro

MILÃO, 27 OUT (ANSA) – O jornalista e ex-secretário de Meio Ambiente da Prefeitura de Milão Paolo Massari, 54 anos, preso em junho passado sob a acusação de estupro contra uma amiga, foi condenado a dois anos de prisão, com pena suspensa, além de ser obrigado a fazer tratamento terapêutico durante mais dois anos.   

A decisão foi tomada após um acordo judicial entre a promotoria de Milão e os advogados de Massari. O réu confesso, que está em liberdade, terá que pagar uma indenização de 30 mil euros à vítima e se consultar com um psicólogo, conforme determinação da juíza de audiência preliminar Tiziana Gueli.   

O ex-político italiano admitiu o crime e pediu desculpas à mulher, que foi violentada na garagem do prédio onde mora. Na noite do dia 14 de junho, a vítima foi socorrida enquanto pedia ajuda sem roupas no meio da rua. Levada a um hospital, onde os médicos constataram o estupro, ela relatou o ocorrido aos policiais, que prenderam Massari na sequência.   

O jornalista da rede Mediaset, que foi secretário de Meio Ambiente na gestão da prefeita conservadora Letizia Moratti (2006-2011), era amigo de escola da mulher e a havia convidado para um jantar após ter recebido uma mensagem na qual ela pedia ajuda nos negócios, afetados pela pandemia de coronavírus.   

Antes de cometer o estupro, Massari já havia sido obrigado a deixar o cargo na Prefeitura de Milão em 2010, após uma servidora municipal e uma funcionária do Consulado da Noruega terem dito a Moratti que haviam sido assediadas por ele. (ANSA)

Veja também

+ Cantora MC Venenosa morre aos 32 anos e família pede ajuda para realizar velório
+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Idoso morre após dormir ao volante e capotar veículo em Douradoquara; neto ficou ferido
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel