Geral

Ex-sargento da Rota ostenta “lista da morte” nas redes sociais

Crédito: Reprodução/ Facebook

O sargento Roberto Lopez Martinez, apontado como um dos maiores matadores da Rota (Ronda Ostensivas Tobias de Aguiar), unidade de elite da Polícia Militar de São Paulo, ostenta nas redes sociais uma espécie de “lista da morte” de suas vítimas. As informações são do colunista Josmar Jozino, do Uol.

Expulso da corporação e acusado por ao menos 45 homicídios, o sargento ainda é reverenciado e chamado de herói por admiradores em um de seus perfis no Facebook. Foi nessa rede social que ele postou “a lista da morte”.

A relação tem três páginas. Há datas de 72 audiências judiciais e números de processos aos quais o sargento respondeu no período de 25 de junho de 1986 a 7 de abril de 1995, pelas mortes de civis quando ele atuava na Rota. De acordo com o Uol, a lista traz ainda os locais onde aconteceram os homicídios. Na primeira coluna das páginas, do lado esquerdo, aparece em cada uma das linhas o número de mortos em determinada ocorrência.

Protagonista no caso Rota 66

O sargento Martinez, como era conhecido na Rota, foi processado por envolvimento no caso Rota 66. Nesse caso, três jovens foram executados por policiais nos Jardins, na zona sul, em abril de 1975, após tentar furtar um toca-fitas de um veículo. A investigação da época inocentou Martinez e seus colegas de viatura. Mais tarde, o então secretário da Segurança, Erasmo Dias, revelou que os policiais modificaram a cena do crime e simularam um confronto.

No ano passado, quando o caso Rota 66 completou mais um ano, o sargento comentou o caso em um de seus três perfis no Facebook. “Em 23 de abril de 1975, ou seja, há exatos 44 anos, eu segurei um dos maiores pepinos da Polícia Militar. E seguro até hoje”, escreveu.

+ Menina engasga ao comer máscara dentro de nugget do McDonald’s

ROTA 66 Salve

Posted by Roberto Lopes Martinez on Tuesday, April 23, 2019

No mesmo perfil, ele recebe elogios: “Você é o ícone da Segurança Pública”, “Fez a diferença entre bandido e mocinho”, “Símbolo de honra” são alguns comentários. Um admirador posta que batizou o filho com nome de Martinez em homenagem ao sargento.

Veja também

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Jack Daniel’s com maçã começa a ser vendido no Brasil

+ No Twitter, aparecem fotos do navio que transportou nitrato de amônio para Beirute

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Gésio Amadeu, o Chefe Chico de Chiquititas, morre após contrair Covid-19

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?