Brasil

Ex-deputado constituinte, Theodoro Mendes morre em acidente de carro

O político José Theodoro Mendes, de 78 anos, ex-prefeito de Sorocaba e ex-deputado constituinte, morreu na tarde desta sexta-feira, 24, após sofrer um acidente de carro, no km 84 da rodovia Raposo Tavares.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Mendes dirigia seu veículo em direção à cidade de Alumínio, quando colidiu com outro carro em trecho de pista simples da rodovia. Um helicóptero da Polícia Militar transportou o político ferido ao hospital, mas ele não resistiu. A rádio Band FM, do qual Mendes detinha a concessão, anunciou sua morte.

O político do MDB, que era partido de oposição ao governo militar da época, iniciou a carreira em 1972, quando foi eleito à Câmara de Sorocaba. Em novembro do ano seguinte, Theodoro elegeu-se deputado federal com votação expressiva, assumindo em 1974.

Em 1976, venceu as eleições para a prefeitura da cidade e deixou sua marca, construindo o novo centro administrativo – inclusive o atual Palácio dos Tropeiros, sede da prefeitura. Em 1979, com o fim do bipartidarismo (Arena/MDB), filiou-se ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) e, em 1982, elegeu-se novamente deputado federal.

Em abril de 1984, Mendes votou favoravelmente à emenda Dante de Oliveira – que pretendia restabelecer as eleições diretas no País. Em janeiro, deu seu voto a Tancredo Neves no Colégio Eleitoral.

Na Câmara, Theodoro presidiu a Comissão de Constituição e Justiça. Reeleito em 1986, já no ano seguinte participou dos trabalhos da Assembleia Nacional Constituinte, que resultaram na Constituição de 1988. Depois de não conseguir nova eleição como deputado, Theodoro Mendes voltou a concorrer à prefeitura de Sorocaba, em 1996, mas foi derrotado e deixou a política.

Antes da carreira política, Mendes foi promotor público. Ele atuou também como radialista e advogado. A prefeita de Sorocaba, Jaqueline Coutinho (PDT), decretou luto oficial por três dias. As bandeiras da prefeitura e da Câmara foram hasteadas a meio mastro. O corpo do político foi levado para necropsia no Instituto Médico Legal (IML) de Sorocaba. O local do velório ainda não estava definido.

Veja também

+ Após foto “com volume” ser derrubada no Instagram, Zé Neto republica imagem usando bermuda

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Morre mãe de Toni Garrido: “Descanse, minha rainha Tereza”

+ Após morte de cachorro, Gabriela Pugliesi adota nova cadela

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea