ISTOÉ Gente

Ex-BBB Gizelly revela que já paquerou no Tinder: “Deu tudo errado”

Crédito: Reprodução/Instagram

Gizelly Bicalho, que ficou famosa por sua participação no Big Brother Brasil 20, conversou com os seus fãs no Instagram, e revelou já ter usado o aplicativo Tinder para paquerar e comentar sobre “micos” com os “crushes”. A ex-BBB respondeu perguntas da brincadeira ‘Eu Nunca’, e quando foi questionada sobre o uso do aplicativo de paquera. “É claro que já, gente. Já tive Tinder. Deu tudo errado, mas eu tive. E vocês?”, respondeu.

Veja também:
Huck é detonado por jornalista Kennedy Alencar: “Você apoiou Bolsonaro”

Colunista Leo Dias diz que o youtuber e ativista político Felipe Neto é gay

Na sequência, Gizelly contou que já se apaixonou no primeiro encontro. “Claro que me apaixonei. Até antes do primeiro encontro, só pela conversa já me apaixonei. Sou uma libriana emocionada, todo mundo sabe. Mas agora, que estou chegando perto dos trinta, meu lado capricorniano está falando mais alto. Graças a Deus, senhor, porque pior não tinha como ficar, não”, contou ela, mostrando bom humor.

Por fim, falou sobre micos em relacionamentos: “Claro, sempre. O que eu passo na vida é vergonha. E se for na frente do boy, então, o mico é certo”.

Assista aos vídeos de Gizelly abaixo:

 

+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça

 

Veja também
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago