Brasil

Eunício nega que Senado seja responsável por aprovar ‘pautas bombas’

Eunício nega que Senado seja responsável por aprovar ‘pautas bombas’

RESPONSABILIDADE O presidente do Senado, Eunício Oliveira, defendeu a reforma da Previdência

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), usou o microfone do plenário na manhã desta quinta-feira, 8, para se defender e negar que a Casa seja responsável pela aprovação das chamadas “pautas bombas”, matérias que contribuem para aumentar o rombo orçamentário do governo. “Não estamos aqui fazendo pautas bombas para qualquer outro governo”, disse enquanto a Casa caminhava para aprovar a MP 843 que cria o Rota 2030, com incentivos fiscais para o setor automobilístico.

“Não estamos aqui ampliando incentivos, estamos reduzindo em 40% os incentivos fiscais que hoje já existem no Nordeste”, disse. “A pauta bomba que estamos fazendo é dar oportunidade para que o governo tenha recursos para ajudar no desenvolvimento do País”, completou.

Na quarta-feira, 7, os senadores aprovaram o reajuste de 16,38% no salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e dos membros da Procuradoria-Geral da República (PGR). Considerado o teto do funcionalismo, a remuneração passará de R$ 33,7 mil para R$ 39,2 mil mensais. O projeto foi incluído na pauta de votação do dia de última hora e sem um acordo entre as lideranças. A aprovação da medida provocou uma avalanche de críticas aos parlamentares.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ 10 coisas que os pais fazem em público que envergonham os filhos
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel