Ediçao Da Semana

Nº 2743 - 19/08/22 Leia mais

Candidato à reeleição no Ceará, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), se negou a comentar o julgamento do pedido de habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Após o voto da ministra Rosa Weber, que se posicionou de forma contrária ao pedido, aliados do ex-presidente já consideram o julgamento encerrado. “Supremo é um outro poder, este poder respeita as decisões de outros poderes e não comenta”, resumiu Eunício Oliveira na saída do plenário.