Coronavírus

EUA ultrapassam marca de 500 mil mortes por Covid-19

EUA ultrapassam marca de 500 mil mortes por Covid-19

A farmacêutica da Walgreen, Jessica Sahni, prepara uma vacina anticovid-19 em Nova York - AFP/Arquivos

WASHINGTON, 23 FEV (ANSA) – Os Estados Unidos ultrapassaram a marca de 500 mil mortes causadas pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2), segundo dados da Universidade Johns Hopkins.

Desde o início da pandemia, o país contabiliza 500.071 óbitos e 28.174.133 de casos confirmados da doença. Os Estados Unidos tinham chegado na marca de 400 mil mortes em 19 de janeiro, quase um ano depois da primeira vítima confirmada.

O imunologista Anthony Fauci, conselheiro do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou que a quantidade de pessoas mortas no país é “terrível e horrível”.

Joe Biden e a vice-presidente dos Estados Unidos, Kamala Harris, homenagearam os mais de 500 mil mortos pelo novo coronavírus. Os dois participaram de uma cerimônia à luz de velas e respeitaram um minuto de silêncio na Casa Branca.

“Atingimos uma marca sombria, de partir o coração. São mais norte-americanos que morreram em um ano nesta pandemia do novo coronavírus do que na Primeira Guerra Mundial, na Segunda Guerra Mundial e na Guerra do Vietnã juntas”, lamentou Biden.


+ Rapper implanta diamante de R$ 128 milhões no rosto
+ PR: Jovem desaparecida é encontrada morta; namorado confessa crime
+ Galo bota ovos e surpreende moradores de Santa Catarina

Segundo dados do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), mais de 44 milhões de pessoas no país já receberam ao menos uma dose da vacina contra a Covid-19. A imunização começou em 14 de dezembro de 2020. (ANSA).

Veja também

+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Aprenda 5 molhos fáceis para aproveitar o macarrão estocado
+ Aprenda a preparar o delicioso espaguete a carbonara
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ Cientistas desvendam mistério das crateras gigantes da Sibéria
+ Sexo: saiba qual é a melhor posição de acordo com o seu signo
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Editora estreia com o romance La Cucina, uma aventura gastronômia e erótica