Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

O tigre Júpiter, que vivia no Columbus Zoo and Aquarium de Ohio (EUA), começou a apresentar sinais de que estava doente no dia 22 de junho. Quatro dias depois, no domingo (26), ele morreu depois de desenvolver uma pneumonia causada pela Covid-19. As informações são do iG.

O zoológico informou que Júpiter tinha 14 anos e já estava em tratamento para outras doenças crônicas, o que o deixou mais vulnerável para o coronavírus.

Segundo o estabelecimento, no dia 22, o tigre não queria se alimentar e relutava para ficar em pé. No dia seguinte, ele foi anestesiado e passou por exames, que identificaram a infecção por Covid-19. Nesse momento, foi iniciado um tratamento, mas Júpiter não apresentou melhora. Dias depois, ele não resisitiu.

“Júpiter é o primeiro animal do Columbus Zoo a sucumbir a Covid-19. Embora parecesse estável, faleceu durante a noite do domingo”, informou a zoológico.

Como medida de precaução, os funcionários que trabalham com os felinos foram obrigados a usarem máscaras e manter uma distância de um metro dos animais.

“Júpiter fará muita falta. Sua equipe de atendimento lembrará com carinho da confiança que eles construíram com Júpiter ao longo do tempo e como ele sempre foi muito amigável com as tigres fêmeas, Mara e Natasha”, finalizou o Columbus Zoo and Aquarium.