Mundo

EUA seguirá considerando Jerusalém como capital de Israel, diz Blinken

EUA seguirá considerando Jerusalém como capital de Israel, diz Blinken

Antony J. Blinken, durante sua audiência de confirmação ao cargo de Secretário de Estado americano no Senado, em Washington, DC, 19 de janeiro de 2021 - POOL/AFP

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, considera que a criação de dois Estados é a única solução para o conflito israelense-palestino, mas manterá o reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel, disse nesta terça-feira (19) seu nomeado para chefiar o Departamento de Estado, Antony Blinken.

“O presidente pensa como eu, que a melhor maneira, talvez a única maneira de assegurar a Israel seu futuro como Estado judeu democrático é dar aos palestinos o Estado a que têm direito; ou seja, a solução conhecida como a de dois Estados”, afirmou.

Em sua audiência de confirmação no Senado, admitiu, no entanto, que esta solução não é “realista” no “curto prazo” e pediu a israelenses e palestinos para “evitar medidas unilaterais que tornem o problema mais complexo”.

O presidente em fim de mandato, Donald Trump, apresentou há um ano um plano de paz para o Oriente Médio, que outorgaria aos palestinos um Estado desmilitarizado e reduzido ao mínimo, com uma capital na periferia de Jerusalém, e privado de colônias israelenses, que seriam anexadas a Israel.

A Autoridade Palestina rejeitou taxativamente esta proposta e recusou que o governo Trump mediasse o conflito.


+ Rapper implanta diamante de R$ 128 milhões no rosto
+ PR: Jovem desaparecida é encontrada morta; namorado confessa crime
+ Galo bota ovos e surpreende moradores de Santa Catarina

Os palestinos já tinham rompido os contatos com Washington quando, no começo de seu mandato, Trump tomou a controversa decisão de reconhecer Jerusalém como capital israelense e dispôs instalar ali a embaixada americana.

Blinken declarou que o governo Biden não reverterá as decisões relativas a Jerusalém e à embaixada.

Ele também proclamou que o “compromisso” do futuro governo americano “a favor da segurança de Israel” é “sacrossanto”.

Veja também

+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Aprenda 5 molhos fáceis para aproveitar o macarrão estocado
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ Aprenda a preparar o delicioso espaguete a carbonara
+ Cientistas desvendam mistério das crateras gigantes da Sibéria
+ Sexo: saiba qual é a melhor posição de acordo com o seu signo
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago