Mundo

EUA diz que Coreia do Norte adia reunião por não estar preparada

EUA diz que Coreia do Norte adia reunião por não estar preparada

Nikki Haley não acredita que o adiamento da reunião entre funcionários norte-coreanos e o secretário americano de Estado, Mike Pompeo, tenha sido motivado por algum problema grave.

A Coreia do Norte adiou esta semana a reunião entre funcionários do governo de Kim Jong Un e o secretário americano de Estado, Mike Pompeo, “porque não estavam preparados”, declarou nesta quinta-feira a embaixadora Nikki Haley.

Pompeo deveria se encontrar nesta quinta-feira, em Nova York, com Kim Yong Chol, funcionário norte-coreano de primeiro escalão, para promover a ‘desnuclearização’ da península coreana, mas a reunião foi cancelada por Pyongyang.

“A Coreia do Norte disse que precisava de um adiamento”, revelou Haley na sede da ONU. “Não creio que tenha havido qualquer problema grave”.

“Foi adiado porque não estavam preparados, mas continuamos prontos para conversar”.

O inesperado adiamento ocorre dois dias após o departamento de Estado anunciar a reunião em Nova York, na qual se buscava avançar na organização de uma segunda cúpula entre o presidente americano, Donald Trump, e o líder norte-coreano, Kim Jong Un.

Haley espera que a reunião seja reagendada, e que o planejamento do encontro entre os dois líderes siga em pé.

Trump e Kim mantiveram uma cúpula histórica em junho passado, em Singapura, na qual os dois líderes concordaram em eliminar as armas nucleares da Península Coreana, mas desde então ocorreram poucos avanços.