Brasil

EUA dão aval para Forster na embaixada

O Departamento de Estado americano comunicou ontem ao governo brasileiro que os Estados Unidos dão o aval oficial para que o diplomata Nestor Forster seja nomeado embaixador do Brasil em Washington. O comunicado é uma resposta ao “agrément” – uma maneira de consultar o país onde o futuro embaixador irá servir – enviado pelo Brasil. Forster assumiu o comando da embaixada em junho, de forma interina.

Agora, o presidente Jair Bolsonaro poderá formalizar a indicação e encaminhar o nome ao Senado. Forster precisa se submeter a uma sabatina realizada pela Comissão de Relações Exteriores do Senado, uma votação na própria comissão e, depois, ter seu nome aprovado pelo plenário. A praxe diplomática prevê que o anúncio do nome indicado a embaixador seja feito só depois do sinal verde do país ao pedido de “agrément”, feito de maneira silenciosa para evitar constrangimentos em caso de recusa. Mas, no caso da embaixada em Washington, Bolsonaro anunciou o nome de Forster para o posto depois que Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) desistiu de tentar ocupar a vaga. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Veja também

+ Gésio Amadeu, o Chefe Chico de Chiquititas, morre após contrair Covid-19

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?