Mundo

EUA, Canadá e UE impõem novas sanções contra Rússia

WASHINGTON, 15 MAR (ANSA) – Os Estados Unidos, a União Europeia e o Canadá anunciaram nesta sexta-feira (15) uma nova rodada de sanções contra a Rússia, desta vez em função da apreensão de três navios e da prisão de 24 militares da Ucrânia no Estreito de Kerch.   

O episódio ocorreu no último dia 25 de novembro, na região que liga o Mar de Azov ao Mar Negro, controlada por Moscou desde a anexação da Península da Crimeia.   

Segundo nota do Departamento de Estado dos EUA, as sanções atingem “seis empresas do setor de defesa, dois indivíduos envolvidos nas eleições falsas de novembro na Ucrânia oriental, controlada pela Rússia, e duas companhias de energia e construção operantes na Crimeia”.   

“A mensagem é clara: a comunidade internacional não ficará parada enquanto a Rússia continua violando normas internacionais, e a comunidade transatlântica permanece unida nos esforços de combater a agressão russa”, diz o governo americano.   

Os ucranianos são acusados de invadir águas territoriais russas, enquanto Kiev chamou o episódio de “provocação” de Moscou. A Ucrânia convive até hoje com movimentos separatistas na Bacia do Don, especialmente nas regiões de Lugansk e Donetsk, que se autodeclararam independentes. (ANSA)