ISTOÉ Gente

“Eu quis só tirar ela de lá”, justifica cantor de forró que agrediu ex-mulher

Crédito: Reprodução/Inter TV Cabugi

O cantor da banda Brilhantes do Forró, Francisco Luciano dos Santos, se justificou em entrevista à Inter TV Cabugi nesta quarta-feira (22) após ter agredido a sua ex-mulher na frente do filho do casal, de 6 anos, na última segunda-feira (20).

“Ou eu tirava ela, ou deixava ela quebrar minha casa. Eu não sou nenhum monstro como estão dizendo. Eu chamei a portaria (os vigilantes do condomínio) porque ela (a ex-mulher) é proibida de entrar na minha casa, por ser realmente uma pessoa muito agressiva, mas não deu tempo da portaria chegar. Eu não quis bater nela. Eu quis só tirar ela de lá. Se eu não tirasse, ela ia quebrar minha casa”, disse o músico.

De acordo com matéria publicada pelo G1 também nesta quarta, a vítima contou a sua versão dos fatos. Segundo Ana Augusta, ela foi até a casa de Francisco para deixar o filho do casal com ele e aproveitou para o questionar sobre o atraso no pagamento da pensão da criança.

Ela ainda conta que ao chegar ao local a atual namorada do cantor foi quem abriu a porta e a convidou para entrar, mas ela não aceitou. A mulher, então, foi chamar Francisco que estava dormindo. Ele, no entanto, não gostou de ser acordado e se levantou irritado, partindo para cima de Ana.


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel