Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

 

Júlia Vigas, esposa do meio-campista Thiago Alcântara, do Liverpool, criticou a organização da grande final da Liga dos Campeões 21/22, entre os Reds e o Real Madrid, que aconteceu em Paris, no Stade de France. Através das suas redes sociais, a espanhola desabafou sobre a confusão que viveu na entrada do estádio e que a impediram de permanecer no local.

+ A final da Champions entre Liverpool x Real Madrid em imagens

“Não gosto de comentar essas coisas, mas dessa vez preciso me expressar. A final (da Champions) foi um pesadelo total, e isso não é sobre futebol, vai muito além do resultado. Devido à falta de organização e segurança, tiveram muitos momentos assustadores”, desabafou nos stories do seu perfil no Instagram.

+ Jornalistas criticam VAR na final da Champions: ‘Padrão América do Sul’

Júlia Vigas relatou a violência do lado de fora do estádio, e tentativa de furto dos ingressos da família.

“Fomos constantemente ameaçados por bandidos, que estavam tentando nos assaltar e entrar no estádio sem ingresso. Por causa disso muitos torcedores ficaram fora do jogo causando avalanches de pessoas”, relatou.

Continuou: “Gás lacrimogêneo foi jogado pela polícia nas famílias e torcedores, e alguns deles também foram espancados. Todos inocentes. Por conta dessa confusão, tivemos que sair escoltados para nossa própria segurança”.

+ Governo francês fala em ‘fraude de ingressos’ em confusão na final Champions League

Em razão da confusão na entrada do Stade de France, a grande decisão da Champions foi atrasada em quase 40 minutos. O problema se deu porque a Uefa não conseguiu organizar corretamente o acesso de parte dos torcedores ao estádio gerando uma confusão generalizada aos arredores do local.

Dentro de campo, Vinícius Júnior marcou o gol que selou a conquista de mais uma Champions League do Real Madrid. O jovem atacante completou cruzamento de Frederico Valverde e estufou as redes do compatriota Alisson no segundo tempo da final do último sábado (28). O Real venceu o Liverpool por 1 a 0 e conquistou a maior competição de clubes do mundo pela 14ª vez na sua história.