Brasil

Esposa de Eduardo Bolsonaro conta que teve Covid-19 e já está recuperada

Crédito: Reprodução/ Instagram

A psicóloga Heloisa Bolsonaro, casada com o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), contou por meio dos stories do Instagram que teve Covid-19 e está recuperada. De acordo com Heloisa, que está grávida de 28 semanas, ela teve os sintomas de forma leve e ficou cinco dias sem olfato e paladar.

Ainda segundo o relato, ela não teve falta de ar e febre. No entanto, um exame de imagem mostrou um comprometimento de 35% do pulmão, o que fez com que ela passasse quatro dias internada no hospital.

Conforme Heloisa, ela segue em casa e com a ajuda de Eduardo um tratamento com injeções para evitar trombose placentária, em decorrência da gestação. Eduardo chegou a fazer três exames para detectar a doença, mas todos deram negativo.

Nos stories, a mulher de Eduardo contou ainda que descobriu a doença no dia 27 de julho, dois dias após Eduardo Bolsonaro passar por uma cirurgia em Brasília por conta do rompimento do ligamento no joelho.


+ Advogada é morta e tem corpo carbonizado no Rio de Janeiro
+ Morre Liliane Amorim, influencer de Juazeiro do Norte, após complicações da realização de lipoaspiração

 

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Atriz e modelo sul-coreana Song Yoo-jung morre aos 26 anos
+ Pais matam as 2 filhas para provar que elas voltariam a vida
+ Cientista desvenda mistério do monstro do Lago Ness. Descubra! + Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel