Tiago Nunes vive seu momento de maior pressão no Botafogo. O clube está em situação delicada no Campeonato Carioca, e a polêmica declaração após derrota no clássico contra o Vasco deixou o clima mais pesado para a partida desta quarta-feira (21), contra o Auroras-BOL, pela segunda fase da Libertadores.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

A SAF do Botafogo não cogita demitir Tiago Nunes neste momento da temporada, mas cobra melhora tanto nos resultados quanto no desempenho. Assim, uma eliminação precoce na competição continental pode mudar o pensamento de John Textor.

Caso elimine o Auroras, o Botafogo ainda precisaria superar o vencedor de RB Bragantino e Águilas Douradas para alcançar a fase de grupos da Libertadores, principal objetivo do clube para 2024.

➡️ Veja os grupos e datas dos confrontos no Paulistão

Para o jogo desta quarta-feira, Tiago Nunes não poderá contar Luiz Henrique, principal reforço para a temporada. O atacante sofreu uma lesão na panturrilha e não tem previsão de retorno. Assim, o treinador deverá mandar a campo uma escalação com jogadores mais experientes: Gatito; Damián Suárez, Lucas Halter, Barboza e Hugo; Marlon Freitas, Tchê Tchê e Eduardo; Savarino, Victor Sá e Tiquinho Soares.