Geral

Espanha registra primeiro caso de microcefalia ligada à zika


Autoridades de saúde afirmaram que identificaram o primeiro caso na Espanha de um feto com problemas de uma grávida que foi infectada com o vírus zika.

O Departamento de Saúde da região da Catalunha, no nordeste espanhol, afirmou que a mulher viajou para a América do Sul alguns meses atrás e havia contraído zika e dengue. Em comunicado, o departamento disse que o feto tem várias malformações.

O Ministério da Saúde espanhol confirmou nesta sexta-feira que é o primeiro caso do tipo no país. Segundo o governo, a Espanha já identificou 105 pessoas com zika, sendo 13 delas grávidas.

O vírus da zika, transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, pode causar microcefalia, um problema grave, que causa danos cerebrais nos bebês. O fenômeno foi primeiro detectado no Brasil, onde especialistas dizem que há mais de 1.200 casos confirmados de microcefalia. Fonte: Associated Press.


+ Após ameaças, soldada da PM denuncia coronel por assédio sexual
+ ‘Raça de víboras’: Andressa Urach critica seguidores que não acreditam em sua fé
+ “Fama e dinheiro vem cheio de desgraça”, desabafa Pedro Scooby



Veja também

+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS