Cultura

Escritor Milan Kundera recupera cidadania checa depois de 40 anos


Milan Kundera, autor de A Insustentável Leveza do Ser, recuperou a cidadania checa que foi retirada dele há 40 anos. O embaixador checo na França, Petr Drulak, disse à uma emissora de TV pública checa que entregou uma certidão de cidadania ao escritor na semana passada, em Paris.

Kundera se encontrou com o primeiro-ministro Andrej Babis no ano passado. O escritor de 90 anos fugiu da então Checoslováquia comunista e vive na França desde 1975. Ali, escreveu suas obras mais conhecidas, como O Livro do Riso e do Esquecimento, A Arte da Novela e A Imortalidade. Suas obras posteriores, escritas em francês, foram traduzidas para o checo. Kundera vive recluso, só viaja para seu país incógnito e jamais fala com a imprensa. Fonte: Associated Press.

Veja também

+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS