Geral

Entenda o encontro secreto entre Jair Bolsonaro e o novo chefe da Polícia Federal

Crédito: Reprodução/Alesp

Na última sexta-feira (02), o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) se reuniu com o novo diretor-geral da Polícia Federal, Paulo Maiurino. O encontro entre as autoridades aconteceu quando o nome de Maiurino ainda era guardado a sete chaves para substituir o então chefe de corporação, Rolando de Souza.

Anderson Torres, novo ministro da Justiça, foi o responsável por levar Paulo para a conversa, que aconteceu em Brasília. Segundo interlocutores do presidente, no diálogo, o chefe do executivo falou sobre suas “expectativas” relacionadas à Polícia Federal.


Durante a conversa, de acordo com O Globo, Jair expressou sua frustração em relação ao arquivamento do caso Adélio. Em dois inquéritos, a Polícia Federal concluiu que Adélio agiu sozinho no atentado contra Bolsonaro e que não há mandantes do crime. Bolsonaro não se conforma e não esconde que sonha com a reabertura da investigação.

Paulo Maiurino, por sua vez, defendeu o trabalho da corporação e elogiou os investigadores do caso.