Esportes

Ensaio técnico: Palmeiras viaja pro Ceará em clima de Maracanã

Abel Ferreira tem um compromisso pelo Brasileirão, mas ele é mais véspera do que realidade

Ensaio técnico: Palmeiras viaja pro Ceará em clima de Maracanã

O torcedor já não quer mais falar ou pensar no Brasileirão. Ele teme pelo que pode acontecer com seus nomes que, em 6 dias, defendem as cores do Palmeiras na disputa da América. Em menos de uma semana, o maior palco do Brasil espera pelo Verdão nos 90 minutos que decidem o próximo dono do continente. Antes, porém, as cores serão confrontadas pelo Ceará, às 16h deste domingo.

>> Mercado da bola: clubes que mais gastaram da temporada 2010/11 para cá
>> Confira a classificação atualizada do Brasileirão e faça sua simulação

Fosse Carnaval, hoje seria dia de ensaio técnico. Elenco na avenida, batuques à prova, espírito pra teste. Era dia de ver se tudo corria bem, mas sem a entrega total, preservando energia, poupando fôlego, guardando a surpresa e esquentando o coração. O Vozão abriga, no Castelão, o time de Abel que já tem olhos oblíquos pro campeonato, mas que defende seus bons números na perseguição ao G4.

Nas últimas vezes que Ceará e Palmeiras se cruzaram, as situações foram várias. Sob a batuta de Vanderlei Luxemburgo, no tempo em que Felipe Melo era zagueiro e Wesley era bagunça e rabisco no ataque, o Verdão bateu os visitantes por 2 a 1. Dias mais tarde, com alegorias portuguesas, com certeza, o esfacelado time da Covid-19 recebeu os cearenses pela Copa do Brasil e viveu uma grande tarde.


+ Rapper implanta diamante de R$ 128 milhões no rosto
+ PR: Jovem desaparecida é encontrada morta; namorado confessa crime
+ Galo bota ovos e surpreende moradores de Santa Catarina

Depois dos 3 a 1, o Palmeiras visitou a capital do Ceará para assegurar seu avanço nos mata-matas. Em noite inspirada de Raphael Veiga, honrando as premissas de baluarte do samba, o empate com gols ratificou a passagem. Acostumado com dois encontros anuais, muito mais do que uma noite de Carnaval, Verdão e Vozão chegavam, àquela etapa, ao seu terceiro embate. E teria mais. Sempre tem a praça da apoteose.

Logo menos, no belíssimo Castelão, na capital do Brega, amigo do samba, Abel faz seu ensaio técnico. Contra o ascendente Ceará de Vina e o homônimo Ferreira, na missão de tentar, mas nem tanto. De correr, mas nem tanto. De querer, mas nem tanto. É como na maior festa de rua do mundo, é a véspera da glória.

A eterna.

Veja também

+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Aprenda 5 molhos fáceis para aproveitar o macarrão estocado
+ Aprenda a preparar o delicioso espaguete a carbonara
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ Cientistas desvendam mistério das crateras gigantes da Sibéria
+ Sexo: saiba qual é a melhor posição de acordo com o seu signo
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Veja os lugares inusitados onde famosos já fizeram sexo
+ Como saber se um pisciano está apaixonado por você? Descubra como Peixes reage ao amor!
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago