Ediçao Da Semana

Nº 2743 - 19/08/22 Leia mais

A produtora Astronautas Filmes, que presta serviços ao Governo Federal, realizou de graça, em outubro deste ano, a cobertura com fotos e vídeos da festa de inauguração de uma empresa de Jair Renan Bolsonaro, o filho 04 do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). As informações são de reportagem da Folha.

Somente em 2020, a produtora de conteúdo digital e comunicação corporativa recebeu do governo Bolsonaro R$ 1,4 milhão. A cerimônia de inauguração da empresa de Jair Renan aconteceu no camarote 311 do estádio Mané Garrincha, em Brasília, onde fica a sede da Bolsonaro Jr Eventos e Mídia.

No instagram da empresa de Jair Renan há um vídeo com os melhores momentos da festa de lançamento produzido pela Astronautas. No site da produtora, o Governo Federal aparece como principal destaque na carteira de clientes da empresa.

https://www.instagram.com/p/CGlFaZWs3Aa/

Entre os trabalhos realizados pela Astronautas Filmes para o governo estão três peças produzidas para o Ministério da Saúde, a um custo de R$ 642 mil, segundo a pasta informou à Folha, sendo dois vídeos com o tema Covid-19 e um sobre multivacinação.

Outros três vídeos publicitários foram produzidos para o Ministério da Educação, negociados por R$ 729,9 mil, segundo informou a pasta à reportagem da Folha.

Os vídeos são sobre a Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas, Enem Enquete e Política Nacional de Educação Especial. Segundo o MEC, a produtora foi contratada por meio da agência de publicidade que atende a pasta, a Escala City.

Além desses, a Astronautas também produziu vídeos para o Ministério do Turismo e para o programa Pátria Voluntária, coordenado pela primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e vinculado à Casa Civil. Os órgãos não informaram os valores gastos nas produções.

Procurado pela reportagem, o empresário Frederico Borges de Paiva, proprietário da Astronautas, admitiu que realizou serviços para a empresa de Jair Renan, mas não informou quanto gastou com o evento do filho do presidente. “Trocamos por permuta pela divulgação das nossas marcas, assim como fazemos com diversos outros projetos”, disse Paiva.

A empresa também se recusou a informar para a reportagem o total de valores recebidos do governo federal. “Entendemos não ter qualquer obrigação de revelar a este veículo de comunicação informações de cunho administrativo e financeiro referente à relação profissional que temos com outras agências, sob qualquer formato”, disse o empresário.

A inauguração da Bolsonaro Jr foi realizada junto com outro projeto, chamado MOB Fit, de propriedade do ex-personal trainer de Jair Renan e subsecretário de Programas e Incentivos Econômicos do Distrito Federal, Allan de Lucena.

A Astronautas se manifestou em nota, dizendo que a empresa é constituída há quase 11 anos, “com destaque em meio corporativo privado, não sendo o foco de nosso trabalho a participação em licitações ou terceirizações de serviços”.

O Planalto foi questionado pela reportagem através da Secretaria de Comunicação da Presidência, mas não respondeu sobre a relação entre a produtora que prestou serviços gratuitos à empresa de Jair Renan e os trabalhos realizados para o governo. E informou que “a Secretaria Especial de Comunicação Social não tem contrato com a referida empresa”.

A Bolsonaro Jr ainda não possui site, mas foi procurada pela reportagem pelo e-mail cadastrado na Receita Federal, brasileiropressor@gmail.com, mas também não foi dada qualquer resposta.