Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

A Conmebol divulgou o áudio do Árbitro de Vídeo que decidiu pela expulsão do volante Allan do Atlético-MG no empate por 1×1 entre o Alvinegro e o Emelec no Equador pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores.

+ Com aval de Mbappé, PSG comunica que não conta mais com Neymar no elenco, diz jornal
+ Morre apresentadora que emocionou mundo com despedida ao descobrir câncer
+ Tudo o que você precisa saber para fazer o feijão perfeito

Allan recebeu cartão vermelho aos 18 minutos do segundo tempo por acertar uma cotovelada no rosto de Jackson Rodríguez. O jogador do Emelec, que havia dado uma cabeçada em Allan anteriormente, recebeu apenas cartão amarelo.

Na conversa divulgada pela Conmebol, ficou claro que o juiz Fernando Rapallini não havia visto o lance anteriormente, e foi chamado pelo operador do VAR, Victor Carrillo, para o monitor, onde chegaram a decisão da expulsão.

– Número 29. A bola não estava em jogo. Vermelho por uma agressão ao número 29 branco. E amarelo ao número 20 azul – disse o juiz após consulta no VAR.

O Atlético-MG voltará a enfrentar o Emelec na próxima terça-feira, às 19h15 no Mineirão. Com o resultado de 1×1 no jogo de ida, o Galo precisará vencer o confronto contra o time de Guayaquil em casa para avançar para a próxima fase da Copa Libertadores.