Economia

Embraer deve cortar salários e jornadas

Após duas semanas de licença remunerada e duas de férias coletivas (que se encerrarão na sexta-feira, 10), funcionários da Embraer deverão ter seus contratos suspensos por 60 dias ou a jornada de trabalho e o salário reduzidos em 25%.

Essa foi a proposta apresentada pela empresa aos funcionários, na segunda-feira, 6, segundo o sindicato da categoria.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.