POLÍTICA

Em tratamento contra câncer, governador do Rio reassume cargo na quarta-feira

O governador licenciado do Estado do Rio, Luiz Fernando Pezão (PMDB), deverá voltar ao trabalho nesta quarta-feira, 27, quando terminará a licença médica de 30 dias para tratamento de um câncer linfático. De acordo com o governo estadual, está mantida a data para que Pezão reassuma o cargo e não há, até o momento, previsão de que a licença seja renovada.

Pezão se afastou oficialmente do governo no último dia 28 de março. Neste período, ele passou por dois ciclos de quimioterapia, o último finalizado em 20 de abril. Na ocasião, o governador raspou o cabelo para evitar o desconforto da queda associada ao processo. O terceiro e último ciclo de quimioterapia deverá ocorrer em duas semanas.

A equipe do oncologista Daniel Tabak, médico do governador, informou ao final do segundo ciclo que o tratamento transcorreu “com sucesso, sem qualquer intercorrência significativa”. Pezão encontra-se “em bom estado geral”, com “ótima tolerância ao tratamento”, conforme divulgou o governo do Estado na ocasião.

Pezão chegou a ficar 19 dias internado no Hospital Pró-Cardíaco até que saísse o diagnóstico da doença. O governador tem um linfoma não-Hodgkin, doença curável, que é debelada pela quimioterapia em 70% dos casos. O vice-governador, Francisco Dornelles (PP), substitui Pezão durante a licença médica.

+ Briga de vizinhos termina com personal trainer morta a facadas no interior de SP

Veja também

+ Quarta parcela do auxílio sai hoje (14) para os nascidos em agosto

+ Cunhado de Maradona morre de Covid-19 na Argentina

+ Nazistas ou extraterrestres? Usuário do Google Earth vê grande ‘navio de gelo’ na costa da Antártida

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?