Esportes

Em retorno após bronze no Rio, Maicon Andrade perde para algoz olímpico em Baku

Considerado o mais surpreendente medalhista do Brasil nos Jogos do Rio, Maicon Andrade voltou a competir neste sábado e caiu exatamente para o seu algoz na Olimpíada. No Grand Prix de Tae Kwon Do, em Baku, o mineiro foi eliminado ao perder para Abdoul Razak Issoufou, do Níger, na sua estreia entre os lutadores com mais de 80kg.

No Rio-2016, Maicon Siqueira perdeu para o nigerino, que tem 2,07 metros, nas quartas de final. Depois, porém, se recuperou e com mais dois triunfos, faturou a medalha de bronze no penúltimo dia da Olimpíada, enquanto seu algoz levou a prata.

Neste sábado, o revés de Maicon, por 3 a 0, veio no golden point e encerrou precocemente a participação do brasileiro na sua primeira competição após os Jogos do Rio e a primeira no novo ciclo olímpico.

Além de Maicon, outros dois brasileiros competiram neste sábado em Baku. Raphaella Galacho (mais de 67kg) também perdeu na estreia, para a holandesa Reshmie Oogink por 7 a 0.

Assim, o único brasileiro a deixar Baku com uma vitória neste sábado foi Henrique Moura (até 68kg). Ele superou, no golden point, na sua estreia o mexicano Abel Mendoza por 1 a 0. Na sequência, porém, parou no belga Jaouad Achab, campeão mundial em 2015, por 11 a 3.