Agronegócio

Em relação ao 3º Prognóstico, estimativa para soja caiu 4 milhões de t, diz IBGE

Rio, 12 – Os produtores brasileiros devem colher 114,7 milhões de toneladas de soja em 2019, segundo os dados do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola de janeiro, divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em relação ao terceiro Prognóstico para a Safra Agrícola, divulgado no mês passado, houve uma redução de 3,4% na estimativa de produção, ou 4 milhões de toneladas.

Para Carlos Alfredo Guedes, gerente do levantamento do IBGE, o produtor está preocupado porque esperava uma produção muito melhor e porque os preços do grão estão caindo no mercado internacional. No entanto, Guedes acredita que as novas estimativas não devem trazer grande surpresa significativa para a previsão de produção no fechamento de 2019, que não deve alcançar o recorde de 117,8 milhões de toneladas registrado em 2018.

“Nos principais Estados produtores (de soja) a lavoura já está consolidada. Está caindo 3,1 milhões de toneladas em relação ao ano passado, mesmo com aumento de área”, disse Guedes. “Grande parte da revisão na produção da soja já teve. Agora o produtor começa a colher soja de um ciclo mais longo, que não foi tão afetada assim (pela estiagem). Em torno de 20% a 30% da soja já estão colhidos”, completou.

Apesar do aumento de 1,8% na área plantada em relação a 2018, a estimativa de produção de soja em 2019 está 2,6% menor, em decorrência da queda de 4,6% no rendimento médio.