Brasil

Em rede social, Mandetta anuncia que foi demitido por Bolsonaro

Crédito: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

Luiz Henrique Mandetta anunciou nas redes sociais nesta quinta-feira (16) que foi demitido pelo presidente Jair Bolsonaro como ministro da Saúde. O oncologista Nelson Teich assumiu o ministério.

“Quero agradecer a oportunidade que me foi dada, de ser gerente do nosso SUS, de pôr de pé o projeto de melhoria da saúde dos brasileiros  e de planejar o enfrentamento da pandemia do coronavírus, o grande desafio que o nosso sistema de saúde está por enfrenta”, afirmou.

Durante coletiva de imprensa, Mandetta agradeceu a equipe do Ministério com quem trabalhou. “Não tenham medo. Trabalhem para o próximo ministro como trabalharam para mim”. “Ministros passam, o que fica é o trabalho do servidor”, disse.

Mais cedo, o ex-ministro já havia dito em uma videoconferência com especialistas e pessoas da indústria da saúde que a troca no comando da pasta iria ocorrer nas próximas horas.

Desde o início da crise do coronavírus, ministro e presidente vinham se desentendendo sobre a melhor estratégia de combate à doença. Enquanto Bolsonaro defende flexibilizar medidas como fechamento de escolas e do comércio para mitigar os efeitos na economia do País, o agora ex-ministro manteve a orientação da pasta para as pessoas ficarem em casa, conforme recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS).