Geral

Em prisão domiciliar, Queiroz aparece na varanda de apartamento no Rio

Crédito: Reprodução/ GloboNews

O ex-assessor parlamentar de Flávio Bolsonaro Fabrício Queiroz foi visto nesta segunda-feira (13) na varanda de sua casa na Taquara, no Rio de Janeiro. Queiroz está em prisão domiciliar desde a última sexta-feira (10).

De acordo com as imagens feitas pela GloboNews, outras três mulheres também apareceram no apartamento. Na semana passada, o ex-assessor e a mulher, Márcia Aguiar, foram beneficiados por uma decisão do presidente do Superior Tribunal Federal, João Otávio de Noronha.

Conforme informações da Secretaria de Administração Penitenciária do Rio, Márcia deveria ser notificada nesta segunda e então teria 5 dias úteis para se apresentar para a instalação de uma tornozeleira eletrônica.

O Ministério Público do Rio descobriu o paradeiro de Queiroz graças às mensagens encontradas no celular de Márcia. O ex-assessor foi preso em Atibaia, interior de São Paulo, na casa do advogado Frederick Wassef e é acusado de participação no esquema de “rachadinha”, devolução de salários de assessores parlamentares do então deputado federal Flávio Bolsonaro.


+ Advogada é morta e tem corpo carbonizado no Rio de Janeiro
+ Morre Liliane Amorim, influencer de Juazeiro do Norte, após complicações da realização de lipoaspiração

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Atriz e modelo sul-coreana Song Yoo-jung morre aos 26 anos
+ Pais matam as 2 filhas para provar que elas voltariam a vida
+ Cientista desvenda mistério do monstro do Lago Ness. Descubra! + Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel