Brasil

Em nota, Polícia Civil do Rio defende sigilo do inquérito sobre morte de Marielle


A Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro emitiu nota, na noite desta segunda-feira, 4, em que defende o sigilo do inquérito sobre os assassinatos de Marielle Franco e Anderson Gomes.

A Polícia Civil “reafirma a importância da manutenção do sigilo em que o inquérito vem sendo conduzido pela Delegacia de Homicídios da Capital (DHC)”, começa a nota. “Para a instituição, o segredo de Justiça é extremamente necessário para que as investigações transcorram com tranquilidade e isenção. Por esse motivo, o sigilo do inquérito continuará sendo respeitado em inarredável observância às leis”, conclui a nota.

Veja também
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago