Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

José de Abreu, que sempre usa suas redes sociais para falar dos acontecimentos do mundo político, nesta quarta-feira (23), alfinetou Milton Ribeiro, ministro da Educação, em meio ao escândalo de que o chefe da pasta teria priorizado pastores sem ligação com o MEC (Ministério da Educação), na distribuição de dinheiro para as prefeituras, a pedidos do presidente Jair Bolsonaro (PL).

No Twitter, o ator global repostou uma publicação de um internauta que apontou o fato de que, mesmo com áudio, Ribeiro nega as acusações imputadas a ele.

“Ministério da Educação negou que tenha priorizado pastores a mando do Bolsonaro. O áudio do ministro falando que priorizou pastores a mando do Bolsonaro foi mal interpretado, né?”, escreveu o usuário.

“Ele estava bêbado!”, disparou José de Abre ao compartilhar o post no microblog.

Veja abaixo o post de José de Abreu: