Geral

Em Fórum, diretor-geral da OMS alerta para distribuição equitativa de vacinas


O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, voltou a exortar a comunidade internacional a trabalhar em prol da distribuição equitativa entre os países das vacinas para a covid-19. “Precisamos investir em um mundo saudável e seguro”, afirmou, durante o Fórum Econômico Mundial de Davos, que este ano ocorre em formato virtual devido à pandemia.

Tedros destacou que a imunização começou em muitas nações desenvolvidas, enquanto as mais pobres não têm acordos com farmacêuticas.

O diretor chamou de “nacionalização das vacinas” o processo pelo qual governos impedem a exportação de doses e ressaltou que esse fenômeno não só prolongará a crise, como também custará mais de US$ 9 trilhões à economia global.

O líder da OMS também fixou a meta de ter a vacinação iniciada em todos os países do mundo nos primeiros 100 dias do ano. “Mais casos de covid-19 foram reportados nas últimas duas semanas do que nos primeiros seis meses da pandemia”, lembrou.


Saiba mais
+ Morre a atriz Noemi Gerbelli, a diretora Olívia da novela 'Carrossel', aos 68 anos
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais