Esportes

Em busca de tranquilidade, Vasco visita Volta Redonda para ampliar série invicta

O confronto é válido apenas pela segunda rodada da Taça Rio, mas já ganhou ares de decisão para o Vasco. Calejado pelo fracasso na Taça Guanabara, em que não conseguiu nem a classificação às semifinais, o time visita o Volta Redonda neste domingo, a partir das 16 horas, sabendo ser fundamental deixar o Raulino de Oliveira com uma vitória para minimizar o risco de uma nova decepção, agora no segundo turno do Campeonato Carioca.

O Vasco iniciou a sua participação na Taça Rio com empate por 1 a 1 diante do Resende, também no Raulino de Oliveira. Assim, largou atrás do Fluminense e do próprio Volta Redonda na busca por uma das duas vagas do Grupo B nas semifinais da competição. O confronto direto com a equipe da Cidade do Aço é a chance ideal para entrar na zona de classificação.

O técnico Abel Braga, já questionado pela torcida, tem buscado adotar um discurso de tranquilidade, tendo destacado que o time está invicto há seis jogos. É um fato, mas o desempenho em campo não tem trazido paz, mesmo que o time tenha se classificado recentemente à terceira fase da Copa do Brasil – para isso, derrotou o ABC por 1 a 0 na quinta-feira – e também à segunda etapa da Sul-Americana.

O clima, inclusive, ficou quente na última sexta-feira, quando os volantes Bruno Gomes e Willian Maranhão discutiram e tentaram trocar socos durante o treinamento do elenco vascaíno, prova que só a ampliação dessa série invicta trará mais tranquilidade ao clube neste começo de temporada.

Para o duelo com o Volta Redonda, o Vasco não terá muitas novidades na escalação. Recém-contratado, o meia-atacante Martín Benitez teve o seu contrato regularizado, mas ainda precisa adquirir a forma física ideal para ser aproveitado por Abel e fazer a sua estreia pelo clube.

Referências do elenco, Leandro Castán e Fredy Guarín estão em situações diferentes para o compromisso deste domingo. O zagueiro sofreu um corte na cabeça na partida contra o ABC, mas não preocupa para o duelo com o Volta Redonda. Já o colombiano teve fratura na falange do quinto dedo da mão direita. Mas não atuará por causa do desgaste físico, sendo substituído por Marcos Junior.

Rival do Vasco, o Volta Redonda teve uma baixa para a sequência da Taça Rio. O atacante João Vitor sofreu lesão no joelho direito e passou por artroscopia no joelho direito. Assim, só deve voltar a atuar pelo clube na Série C do Campeonato Brasileiro.

Veja também

+ Entenda como a fase crítica da pandemia de Covid-19 pode ter sido superada em SP
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Após se aposentar da Globo, Sérgio Chapelin aparece com novo visual; veja
+ Nick Cordero morre aos 41 anos, vítima de complicações da Covid-19
+ Hamilton bateu de novo em Albon; veja memes da F1
+ Pandemia adia cirurgia e saúde de Schumacher piora
+ Ford Ranger supera concorrentes e é líder de vendas
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior