Economia

Eletrobras aprova preço mínimo de venda de SPEs de R$ 3,1 bi para leilão em 27/9

Eletrobras aprova preço mínimo de venda de SPEs de R$ 3,1 bi para leilão em 27/9

A diretoria da Eletrobras aprovou os preços mínimos de venda das 71 participações societárias em sociedades de propósito específico (SPE) no leilão marcado para 27 de setembro. As vendas ocorrerão em 18 lotes, cujos preços mínimos totalizam R$ 3,1 bilhões, com base em 31 de dezembro de 2017 e incluindo custos de transação.

O lote A terá Santa Vitória do Palmar Holding, com venda de 78,00%, ao preço mínimo de R$ 635,601 milhões.


O lote B reúne Eólica Hermenegildo I, II e III, além de Eólica Chuí, todas com fatia de 99,99%, ao preço mínimo de R$ 118,966 milhões.

O lote C tem Eólica Serra das Vacas Holding, com fatia de 49,00% e preço mínimo de R$ 66,720 milhões.

No lote D está Chapada do Piauí I e II, fatia de 49,00% e mínimo de R$ 475,052 milhões.

Lote E traz Vam Cruz I Participações, 49,00%, R$ 132,681 milhões.

O lote F reúne Brasventos Eolo Geradora de Energia, Rei dos Ventos 3 Geradora de Energia, Brasventos Miassaba 3 Geradora de Energia, todos de 49% e preço mínimo do lote de R$ 171,302 milhões.

O G traz a Eólica Mangue Seco 2 – Geradora e Comercializadora de Energia Elétrica, também para venda de 49,00% de participação societária, e preço mínimo de R$ 58,374 milhões.

O lote H, ao preço de R$ 232,593 milhões, contém Pedra Branca (49,00%), São Pedro do Lago (49,00%), Sete Gameleiras (49,00%), Baraúnas I Energética (49,00%), Mussambê Energética (49,00%), Morro Branco I Energética S.A. (49,00%), Baraúnas II Energética (1,50%) e Banda de Couro Energética (1,70%).

No lote I tem Integração Transmissora de Energia S.A. (Intesa), 49,00%, e mínimo de R$ 277,485 milhões.

O lote J é para Uirapuru Transmissora de Energia S.A., 75,00%, e R$ 87,242 milhões.

No lote K tem Transmissora Matogrossense de Energia (TME), com 49,00% e R$ 109,530 milhões.

Lote L tem Brasnorte Transmissora de Energia, 49,71% e R$ 77,995 milhões.

Para o lote M, o mínimo é de R$ 78,376 milhões, reunindo Companhia Transirapé de Transmissão (24,50%), Companhia Transleste de Transmissão (24,00%) e Companhia Transudeste de Transmissão (25,00%).

Lote N é para a Empresa de Transmissão do Alto Uruguai (ETAU), 27,42% e R$ 39,888 milhões.

O lote O contém Amazônia-Eletronorte Transmissora de Energia (AETE), 49,00% e R$ 86,249 milhões.

O lote P tem Companhia de Transmissão Centroeste de Minas (49,00%), e R$ 43,169 milhões.

O lote Q tem Luziânia-Niquelândia, (49,00%), com preço mínimo de R$ 49,710 milhões.

O lote R tem Manaus Transmissora de Energia (MTE), 49,50% e R$ 328,621 milhões.