Brasil

Eleições 2020: Maia diz que eleição não poderia comprometer ações sanitárias

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), comemorou a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição que adia as eleições municipais. Em seu Twitter, o deputado afirmou que “a eleição não poderia comprometer as ações que buscam salvar vidas e proteger as famílias”.

Os deputados aprovaram em dois turno nesta quarta-feira (1º) a proposta que adia as disputas municipais para novembro. A promulgação da PEC está prevista para sessão do Congresso de amanhã, às 10h.

“Infelizmente, ainda vivemos um momento muito crítico da pandemia, com seu avanço para o interior do País”, ponderou Maia. Ele destacou que a novas datas, 15 e 29 de novembro, para primeiro e segundo turno, foram orientações de especialistas de saúde.

“As novas datas atendem às sugestões de médicos e especialistas, pois teremos um cenário melhor em relação à expansão do vírus, e as pessoas poderão conhecer de forma mais democrática e transparente os seus candidatos”, declarou.

Maia parabenizou ainda o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP) pela rápida tramitação da PEC no Senado e também os deputados por chancelarem o texto. Ele agradeceu a atuação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por ter participado ativamente do debate e indicado os detalhes que envolvem o processo eleitoral.

+ Menina engasga ao comer máscara dentro de nugget do McDonald’s

Veja também

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Jack Daniel’s com maçã começa a ser vendido no Brasil

+ De biquíni rosa, Carol Portaluppi exibe bronzeado e enlouquece a web

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves mostra o novo corpo e web critica: ‘Tá deformada’

+ Enio Mainardi, publicitário e pai de Diogo Mainardi, morre de covid-19

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Gésio Amadeu, o Chefe Chico de Chiquititas, morre após contrair Covid-19

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?