ISTOÉ Gente

Eleição de Fogaça como síndico de prédio tem confusão e presença da polícia

Crédito: Reprodução/Instagram

Jurado do MasterChef já até começou a sua campanha eleitoral (Crédito: Reprodução/Instagram)

A eleição de Henrique Fogaça como novo síndico do condomínio Baronesa de Arary, na Avenida Paulista, revê muita confusão e até polícia no local. A reunião, realizada na noite de quarta-feira (5), aconteceu após determinação da Justiça. Segundo o UOL, moradores do prédio enfrentaram longa fila para ter as procurações checadas e, em seguida, houve acusação de fraude.

Um homem, identificado como Otávio, representante da ADTC – empresa responsável pela gestão do condomínio –, determinou o cancelamento da reunião e foi registrar boletim de ocorrência após bate-boca e empurrões no local. A polícia foi chamada até o local para contornar a situação.

“Mais uma vez querem fazer aos moldes deles. Temos várias provas de procurações falsas, descumpriram a ordem judicial e aí deu esse barraco todo”, disse Fogaça ao UOL. “O delegado vai abrir inquérito e eles vão responder cível e criminalmente”, disse a esposa do chef, Carine Ludvic.

Fogaça foi eleito síndico por unanimidade após mais de três horas de confusão. Um novo subsíndico e 7 conselheiros. A ADTEC foi procurada pelo UOL, mas não quis comentar o assunto. No ano passado, Fogaça apontou desvio de R$ 176 mil das contas do prédio e a eleição do novo síndico foi interrompida.