Geral

‘Ele falou que estava com sede de tomar meu sangue’, diz homem que matou vizinho

Crédito: Reprodução/Record TV

O caminhoneiro Luiz Bernardino, de 34 anos, matou o eletricista Rodrigo Macedo, de 37 anos, depois que os dois tiveram um desentendimento por conta de um churrasco que Macedo estava dando em casa. As informações são do Cidade Alerta, da Record.

Durante o evento, Bernardino estacionou seu caminhão na frente do local e Rodrigo o avisou que ele não poderia mais estacionar ali. Nesse momento, os dois começaram a discutir e o eletricista estava com uma faca que estava usando no churrasco na mão.

Bernardino tomou posse da faca e Rodrigo avançou em sua direção. Nesse momento, o caminhoneiro esfaqueou o vizinho, alegando que o golpeou para se defender.

O caminhoneiro deu entrevista ao Cidade Alerta e disse que o vizinho já tinha agredido ele antes.

“Ele falou que estava com sede de tomar meu sangue. Ele já tinha comprado até arma para me matar”, disse o caminhoneiro.


+ MS: Homem que revelou amante pouco antes de ser intubado deixa UTI-covid
+ Ratinho critica Dudu Camargo: ‘Só o Silvio gosta dele’



Bernardino se disse arrependido e que se pudesse voltar no tempo não cometeria novamente o crime. Ele se apresentou à polícia, mas como não houve prisão em flagrante, poderá aguardar o julgamento em liberdade.

Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Descoberta no deserto do Kalahari leva a revisão da origem humana
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS