Brasil

Eduardo Leite sobre Ciro: ‘Não faz sentido ser vice de um candidato com dificuldades de decolar’

Crédito: Reprodução

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), rechaçou a possibilidade de ser vice em uma chapa presidencial com Ciro Gomes (PDT) ou “qualquer outro candidato”. As informações são da colunista Mônica Bergamo, da Folha.

“Não faz o menor sentido eu renunciar ao meu mandato de governador do Rio Grande do Sul para ser candidato a vice, ainda mais de um candidato que se apresenta pela quarta vez na disputa e tem dificuldades de decolar”, disse Eduardo Leite.


Ciro Gomes foi candidato à Presidência nos pleitos de 1998, 2002 e 2018, e nunca chegou ao segundo turno. Atualmente, de acordo com pesquisa Datafolha, ele fica entre 9% e 12% das intenções de voto para o cargo.

Ainda de acordo com a coluna, a hipótese de Leite ser vice de Ciro passou a ser discutida depois que o senador Tasso Jereissati (PSDB) desistiu de concorrer às prévias tucanas para a escolha do candidato a presidente pela sigla, e passou a apoiar Eduardo Leite.