ISTOÉ Gente

Eduardo Bolsonaro posta fake news e é rebatido por Fátima Bernardes: ‘Isso é crime’

Crédito: Reprodução/TV Globo

Fátima Bernardes terá salário reduzido após mudanças na Globo, diz colunista (Crédito: Reprodução/TV Globo)

Fátima Bernardes usou seu tempo na televisão para desmentir uma fake news postada no Twitter por Eduardo Bolsonaro, filho de Jair Bolsonaro. O deputado federal compartilhou uma imagem falsa do programa “Encontro” em que o GC – legenda que fala sobre o assunto discutido naquele momento – dizia que a apresentadora estaria falando sobre cancelamento do Natal e as “saidinhas” temporárias de detentos no fim do ano.

Veja também

+ Que o homofóbico vá pedir emprego a Bolsonaro e viver na Bolsolândia, longe da civilização
+ Sem saber que está ao vivo, Bolsonaro fala sobre propina e ‘preço’ de vaga no STF
+ Marisa Orth é detonada por postar vídeo em que Marília Mendonça critica Bolsonaro


A jornalista mostrou o GC verdadeiro, que abordava músicas que marcaram a vida da plateia e a discussão para motoristas de aplicativos. “Infelizmente até o deputado Eduardo Bolsonaro compartilhou. A tarja tem cor diferente, a letra não é a mesma fonte, muda completamente o contexto. Discutíamos o direito de motoristas de aplicativos, aí já começa que não iria passar Natal com a família porque sou contra a ceia e a mentira vai crescendo de um jeito. O nome disso é crime, não é brincadeira, fofoca, é crime e tem que ser punido. A gente ajuda não compartilhando notícias falsas. Cheque. Não caia nessas mentiras, isso confunde as pessoas, atrapalha o trabalho de pessoas sérias”, declarou Fátima.

“Me deixa triste. Eu sou apenas uma pessoa que leva ao ar o trabalho de uma equipe séria, gigantesca e responsável e isso me deixa triste ver o trabalho sendo achincalhado”, finalizou ela, chateada. Túlio Gadêlha, deputado e namorado de Fátima, compartilhou uma publicação no Twitter em que mostrava o post falso de Eduardo e o GC verdadeiro.

Veja: