Saúde da mulher

É possível acabar com a celulite e com a barriga antes de o verão chegar?

Saiba qual substância pode auxiliar para atingir seus objetivos

Crédito: Pexels

Às vésperas do verão, é comum a corrida às academias e às dietas calóricas que prometem deixar o corpo magro e com as linhas definidas além do abdômen trincado e as pernas lisas e sem celulite. É claro que esses hábitos, quando usados em conjunto e com orientação profissional adequada, podem ter efeitos transformadores notáveis sobre as formas do corpo. E para melhores resultados tudo isso pode sempre ser associado a bons cremes, que ajudem a eliminar localmente tanto a celulite quanto a gordura acumulada fazendo com que o seu sonho se torne  realidade. Mas será que essas medidas bastam para chegarmos no verão com o corpo que pedimos a Deus? Em primeiro lugar, é preciso entender o que está por trás da celulite e da gordura abdominal, além dos benefícios e limites de cada tratamento. Confira algumas dicas:

Celulite, o que é e como atacá-la de frente

A celulite é uma alteração da pele que chega a afetar quase todas as mulheres após a puberdade e que, como se pode supor, está intimamente relacionada ao hormônio estrógeno. Ao entrar na puberdade o corpo das meninas aumenta a produção deste hormônio feminino que, ao moldar as suas curvas e silhueta, acaba valendo-se da gordura subcutânea para esta finalidade. Assim podemos dizer que o estrógeno deposita mais gordura sob a pele da mulher do que aquela encontrada na pele do homem e que esta gordura, quando em excesso, é a grande causa da celulite por comprimir vasos sanguíneos e linfáticos e por levar ao edema e à formação de fibrose na pele da mulher. Uma vez que o estrógeno faz parte de toda a vida da mulher, a melhor forma de prevenir e tratar a celulite é reduzir os depósitos de gordura através da dieta e de cremes lipolítcos à base de cafeína, que queimam esta gordura por agir diretamente na pele.

Gordura da barriga, como se deposita e como reduzir

Sempre que engordamos o primeiro lugar onde a gordura se deposita é na barriga e quando emagrecemos é também na região da barriga que ela irá sair por último. Intimamente ligada à diversos hormônios como o cortisol – hormônio do stress – e hormônios sexuais – como a testosterona dos homens e o estrógeno da mulher – a gordura abdominal é sempre um grande problema para quem quer chegar no verão com o corpo em plena forma. Embora seja comum as pessoas acharem que a prática de exercícios abdominais ajuda a eliminar a gordura desta região a verdade é que, embora os exercícios exerçam um papel importantíssimo no enrijecimento da musculatura do abdômen e na queima de calorias que levará ao emagrecimento do corpo todo, eles pouco podem fazer pela gordura abdominal quando não forem associados a dietas de restrição calórica e a aplicação de cremes à base de cafeína – uma substância com potente ação lipolítica capaz de queimar a gordura localmente. Sendo assim, podemos dizer que para chegar ao verão com um abdômen trincado, é preciso unir a dieta e os cremes de cafeína à prática adequada e frequente de exercícios que enrijeçam a musculatura da barriga e da cintura.


+ Advogada é morta e tem corpo carbonizado no Rio de Janeiro
+ Morre Liliane Amorim, influencer de Juazeiro do Norte, após complicações da realização de lipoaspiração

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Atriz e modelo sul-coreana Song Yoo-jung morre aos 26 anos
+ Pais matam as 2 filhas para provar que elas voltariam a vida
+ Cientista desvenda mistério do monstro do Lago Ness. Descubra! + Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel